Governo do Paraná anuncia toque de recolher para conter avanço da Covid-19

Restrição deve ser implementada das 23h às 5h, em todo o estado

O governo do Paraná deve publicar até quarta-feira (2) um decreto que implementa toque de recolher em todo o estado. A medida foi pensada para conter o avanço da Covid-19, que já matou mais de 6 mil pessoas na região. As informações são do G1.

O secretário de Saúde Beto Preto afirmou à TV Globo que o governo avalia implantar o toque de recolher das 23h às 5h. A gestão de Ratinho Júnior também estuda fechar praças e parques.

“É necessário que possamos interromper em alguns momentos a circulação de pessoas. Uma das hipóteses que está sendo colocada a partir de hoje ou amanhã é o toque de recolher. Há hipótese até de fechamento de praças, parques, diminuição de festejos de natal e ano novo por parte dos entes públicos”, afirmou.

“Queremos diminuir o trânsito de pessoas. É difícil falar em permanecer em casa depois de nove meses. Estamos encaminhando para um problema de 15 a 20 dias. Precisamos tentar mais uma vez o isolamento social, uso de máscara e principalmente o distanciamento”, completou.

O secretário também disse que a rede pública está chegando ao limite da capacidade de atendimento, mas que o governo estuda formas de ampliar o número de leitos.

A prefeitura de Maringá, no norte do estado, já havia implementado o toque de recolher na cidade. No fim de novembro, com o registro de novos casos de Covid-19, a gestão decidiu ampliar a medida.

Com isso, além da restrição de circulação, a prefeitura também voltou a proibir esportes coletivos e reduziu em uma hora o funcionamento de bares e restaurantes.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR