Grupo de promotores de São Paulo se organiza para tentar furar fila da vacina

Os envolvidos seriam membros do Ministério Público de São Paulo, que pretendem ser incluídos na lista de prioridades

Um grupo de promotores do Ministério Público de São Paulo (MP-SP) está organizando um pedido para que sua categoria seja incluída entre os grupos prioritários para a vacinação contra a covid-19.

O lobby dos promotores foi revelado nesta quarta-feira (2), por uma matéria do Brasil de Fato, do jornalista Vinícuis Segalla. Também foi tema de um tuíte de Augusto de Arruda Botelho, advogado criminalista e comentarista do canal CNN Brasil, que também repercutiu a notícia.

Porém, a movimentação desse grupo de promotores para furar a fila das prioridades pela vacina é bem mais antiga: um dos documentos mostrados por Botelho para comprovar sua informação é um trecho da ata de uma reunião do Conselho Superior do Ministério Público de São Paulo, que foi realizada em 24 de novembro.

O documento reproduzido no tuíte mostra que a petição para que os promotores também tenham prioridade na vacinação foi manifestada por Roberto Barbosa Alves e endossada por alguns dos seus colegas – sem especificar quais.

Quem recebeu o pedido foi Arual Martins, membro do Conselho Superior do Ministério Público de São Paulo.

Em sua conta de Twitter, o advogado Augusto de Arruda Botelho enfatizou que sua informação se refere a “um grupo. Não são todos, não é a instituição”.

Avatar de Victor Farinelli

Victor Farinelli

Jornalista formado pela Universidade Católica de Santos, há 15 anos é correspondente na Argentina (2004 e 2005) e no Chile (desde 2006).

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR