Fórum Educação
20 de Maio de 2020, 08h29

Já são 13 militares nomeados por Pazuello na Saúde, a maioria sem experiência na área

Pazuello cumpre desejo de Bolsonaro e escala mais 4 militares para a Saúde

O general Eduardo Pazuello, ministro interino da Saúde, e Jair Bolsonaro (Foto: Montagem)

O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, nomeou mais quatro militares do Exército para cargos na pasta. Os nomes foram publicados na edição desta quarta-feira (20) do “Diário Oficial da União”.

Desde a saída de Luiz Henrique Mandetta do comando da pasta que o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ) tem aumentado a presença de militares. Somados aos nove nomeados nesta terça-feira, já são 13 os militares chamados para atuar no combate à crise do coronavírus, a maior parte deles sem formação nem experiência na área da Saúde.

Com isto, Pazuello cumpre os desejos de Bolsonaro de militarizar a Saúde para impor suas políticas – como fim do isolamento social e uso indiscriminado de cloroquina – no combate ao coronavírus.

O Ministério da Defesa, por meio de portaria, já havia deixado desde o dia 4 de maio, 17 nomes do Exército à disposição do Ministério da Saúde pelo prazo de 90 dias, prorrogáveis por mais 90.

No início desta semana, Pazuello, avisou aos seus secretários que não assume de vez a pasta, mas fica onde está. Permanece como secretário executivo, seja lá quem for o ministro que chegue.

Com informações do G1


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum