O que o brasileiro pensa?
26 de maio de 2020, 19h46

Médicos chilenos afirmam que coronavírus no país está “fora de controle”

O país andino tem registrado mais de 4 mil novos contágios a cada 24 horas, e o sistema hospitalar começa a chegar no limite, como admitiu recentemente o próprio presidente Sebastián Piñera

Sebastián Piñera, cercado de ministros com máscaras (foto: Agência Uno)

Nesta terça-feira, o Colégio de Médicos do Chile, organização que representa esses profissionais da saúde no país andino, emitiu um comunicado dizendo que considera que o surto do coronavírus no país está “fora de controle”

Par explicar essa posição, os médicos mencionam o fato de o país ter O país estar registrando mais de 4 mil novos contágios a cada 24 horas desde meados da semana passada, especialmente na Região Metropolitana de Santiago, que concentra 80% dos casos.

No total, o Chile tem 78 mil pessoas infectadas com a doença, e 806 mortes – com mais de 40 novas vítimas fatais por dia, segundo a média da última semana.

Segundo Cristóbal Cuadrado, secretário técnico do Departamento de Políticas de Saúde da Faculdade de Medicina do Chile, “infelizmente, temos que concordar que este é um surto fora de controle, pois o número de contagiados por milhão de habitantes que o Chile possui o coloca entre os países com os casos do mundo”.

Cuadrado acredita que o crescimento exponencial dos últimos dias “significa que tivemos erros na etapa anterior, que era a de evitar os contágios serão gerados”.

Tal situação coloca em xeque a estrutura dos hospitais chilenos, e nesse sentido, o próprio presidente Sebastián Piñera admitiu, em entrevista no domingo (24), que a disponibilidade de leitos em UTI e respiradores artificiais está em nível crítico, e que o governo tentará disponibilizar mais nos próximos dias, devido à exigência do momento.

O secretário Cuadrado, assim como todo o Colégio de Médicos do Chile, discorda da forma como o governo vem tratando essa crise. “Isso não pode ser superado com ventiladores mecânicos. A única maneira real de superar a epidemia é diminuir a cadeia de transmissão e isso é feito de duas maneiras: diminuindo as interações entre as pessoas e aumentando a capacidade de identificar as pessoas que têm coronavírus, para isolá-las efetivamente e rastrear todos os seus contatos”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum