O que o brasileiro pensa?
25 de março de 2020, 10h24

Metalúrgica de São Paulo faz crowdfunding para pagar funcionários durante pandemia do coronavírus

Empresa teve que fechar por conta da quarentena e pede ajuda para manter emprego de mais de 40 famílias da zona leste de SP

Divulgação

A pequena empresa metalúrgica CMK Arruelas, fundada há dois anos na extrema zona leste de São Paulo, anunciou a criação de um crowdfunding (financiamento coletivo) para conseguir pagar o salário de seus funcionários. De acordo com comunicado da empresa, cerca de 40 famílias são empregadas direta e indiretamente pela metalúrgica, mas correm o risco de perderem o emprego.

O pedido de ajuda é consequência do avanço do coronavírus no Brasil como um todo. Com o crescimento do número de infectados, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), decretou o fechamento de diversos estabelecimentos na cidade, e muitas empresas têm optado pelo home office como forma de proteger seus funcionários.

Alguns setores, no entanto, não têm essa opção. É o caso de indústrias como a CMK Arruelas, que depende de seus funcionários operando a empresa presencialmente.

“A decisão de fechar a empresa foi a mais difícil que já tivemos que tomar, pois, se não houver trabalho, não podemos sobreviver como empresa, nem temos fluxo de caixa suficiente para sustentar as famílias que trabalham ou prestam serviços à companhia. No entanto, era a coisa certa a fazer, proteger vidas”, diz o comunicado da empresa.

“Iniciamos uma campanha de crowdfunding para ajudar a pagar pelos salários dos funcionários, manter seus empregos, honrar alguns compromissos inevitáveis ​​e acompanhar as atividades futuras da empresa”, continuou.

Até a manhã desta quarta-feira (25), a empresa conseguiu arrecadar R$ 1.460 através do crowdfunding. Para doar, acesse o link.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum