Um vídeo em resposta ao Roberto Justus e ao dono do Madero

Os dois empresários disseram que o Brasil não pode parar por conta do coronavírus que, segundo eles, “só mata velhinhos” e só “5 ou 7 mil pessoas que morrerão”

Circula pelas redes um vídeo ironicamente dedicado ao empresário Roberto Justus e também a Junior Durski, dono do restaurante Madero. Os dois fizeram declarações semelhantes nos últimos dias, onde tentaram minimizar a crise do coronavírus e as suas consequências.

Durski afirmou que o Brasil não pode parar por conta de “5 ou 7 mil pessoas que morrerão”.

Roberto Justus, que tem 64 anos, disse em áudio vazado no domingo, que o coronavírus não passa de uma “gripezinha leve” que só “mata velhinhos”.

No vídeo, um homem é perguntado quantas mortes nas ruas seriam aceitáveis no próximo ano.

Tanto a sua resposta quanto o que acontece a seguir são surpreendentes. Veja abaixo:

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR