Vacinas da Pfizer acabam em dois dias na cidade de São Paulo

Imunizante da empresa norte-americana foi utilizado pela primeira vez na capital paulista em pessoas com idade entre 60 e 62 anos

Por conta da falta de planejamento do governo de Jair Bolsonaro, o Brasil continua sofrendo com a falta de vacinas contra a Covid-19. A cidade de São Paulo, por exemplo, viu se esgotarem em apenas dois dias as 135.720 mil doses do imunizante da Pfizer.

A informação é da Secretaria Municipal da Saúde, de acord0 com reportagem de Martha Alves, no Agora SP.

A vacina da empresa norte-americana foi utilizada pela primeira vez na capital paulista para a imunização de pessoas com idade entre 60 e 62 anos.

A procura intensa pela vacina da Pfizer se deve ao fato de que sua eficácia é de 95%.

Outros fabricantes

Mesmo com o término do estoque, a prefeitura divulgou a informação de que tem doses de outros fabricantes suficientes para imunizar todos os grupos que serão vacinados no momento.

Nesta segunda-feira (10), as unidades de saúde da capital vão cadastrar pessoas com idade a partir de 55 anos com interesse em sobras de vacina. Porém, é preciso morar próximo ao posto de saúde.

Avatar de Lucas Vasques

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR