Vídeo: Bolsonaro pede que jovens contraiam coronavírus antes do inverno

O presidente disse que há uma "conta na mesa" que avalia as medidas de isolamento social

Em entrevista concedida ao apresentador José Luiz Datena, da TV Bandeirantes, nesta quarta-feira (1º) o presidente Jair Bolsonaro defendeu que as pessoas mais jovens – até 40 anos – sejam infectadas para que não haja um surto da doença no inverno.

“Vai morrer mais gente porque haverá um pico de ida aos hospitais. Por exemplo, Datena, a garotada abaixo de 40 anos à princípio contraindo o vírus não vai ter problema. Se a garotada se infectar agora ela seria uma barreira no futuro para não transmitir o vírus para os mais idosos. É uma conta que você bota na mesa”, disse o presidente ao criticar as medidas de isolamento social impostas por governadores.

Segundo ele, o vírus “se dá bem melhor no frio” e “todo mundo vai pegar a doença”. As afirmações do presidente não foram baseadas em evidências científicas.

A fala de Bolsonaro contraria a compreensão do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde e dialoga em certa medida com um entendimento inicial do Reino Unido para o enfrentamento da doença, mas que logo foi superado por se mostrar ineficiente.

Apesar do presidente dizer que “a garotada” não vai ter problema, há registros de pessoas abaixo dos 40 anos morrendo no país. Nesta quarta, um jovem de 23 anos morreu em decorrência da Covid-19.

Assista:

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e latino-americanista convicto, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum América Latina