O que o brasileiro pensa?
05 de junho de 2020, 15h00

VÍDEO: Trump diz que se tivesse agido como Bolsonaro, coronavírus teria matado até 2,5 milhões nos EUA

Redes não perdoaram e "Trump Comunista" está entre os termos mais comentados do Twitter. "O Trump agora fica ouvindo biólogo que inventa números. Deveria ouvir nossos especialistas e se informar bem", ironizou Atila Iamarino

Donald Trump, Helio Negão e Bolsonaro (Reprodução)

Donald Trump voltou a trair Jair Bolsonaro em declaração nesta sexta-feira (5), denunciando a caótica política de combate ao coronavírus no Brasil e dizendo que se tivesse adotado a mesma estratégia, hoje os Estados Unidos contariam até 2,5 milhões de mortos.

“Se você olhar para o Brasil, eles estão passando por dificuldades. Eles estão seguindo o exemplo da Suécia, que também está passando por dificuldades terríveis. Se tivéssemos agido assim, teríamos perdido 1 milhão, 1,5 milhão, talvez 2,5 milhões de vidas ou até mais”, disse Trump.

O vídeo com legendas foi divulgado nas redes sociais e os internautas não perdoaram, colocando “Trump Comunista” entre os termos mais comentados no Twitter.

“Trump acaba de dar uma forte pancada em Bolsonaro! Disse que, se tivesse agido como o Brasil, os EUA chegariam a 2,5 milhões de mortos. Até o aliado de Bolsonaro reconhece a desgraça que é o governo! Bolsonaro envergonha o Brasil. Precisamos voltar a ser um bom exemplo pro mundo”, tuitou Alessandro Molon, líder do PSB na Câmara, ao divulgar o vídeo.

Doutor em Ciências, o biólogo Atila Iamarino ironizou as medidas de Bolsonaro, que são alvos de críticas de especialistas, diante da declaração de Trump.

“Esse presidente irresponsável e alarmista causou a maior crise de empregos da história moderna por causa desse discurso de milhões de mortes gerador de pânico com COVID. O Trump agora fica ouvindo biólogo que inventa números. Deveria ouvir nossos especialistas e se informar bem”, tuitou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum