O que o brasileiro pensa?
24 de março de 2020, 06h53

YouTube deleta vídeo em que Olavo de Carvalho diz que coronavírus nunca matou

O guru do bolsonarismo também acusava a pandemia de ser "a mais vasta manipulação de opinião pública que já aconteceu"

Olavo de Carvalho - Foto: Reprodução/YouTube

O YouTube removeu de sua plataforma, nesta segunda-feira (23), o vídeo do guru do bolsonarismo, Olavo de Carvalho, minimizando a epidemia do coronavírus, assim como tem feito o presidente Jair Bolsonaro. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, o site entendeu que o conteúdo publicado feria as diretrizes da comunidade.

No mundo, mais de 350 mil pessoas já foram contaminadas pela doença, e mais de 15 mil morreram, segundo dados da universidade norte-americana Johns Hopkins. No Brasil, já são 34 mortes.

No vídeo, contudo, o astrólogo diz que coronavírus nunca matou e que epidemia é uma farsa. “O número de mortes dessa suposta epidemia não aumentou em nem um único caso o número habitual de mortos por gripe no mundo. É o mesmo que dizer que essa endemia simplesmente não existe. Na verdade, você não tem um único caso confirmado de morte por coronavírus. Para confirmar, você precisaria fazer o exame de cada órgão do falecido. Onde fizeram isso? Nunca fizeram nenhum”, argumentou Olavo de Carvalho.

“Isso aí é a mais vasta manipulação de opinião pública que já aconteceu na história dessa suposta epidemia. Parece coisa de ficção científica”, continuou.

Na semana passada, Olavo se contradizia ao dizer, também nas redes sociais, que já foi infectado pelo coronavírus. “Já peguei o Corona vírus, ele quase me matou e eu já escapei vivo. Não tenho outra explicação para a merda toda que me aconteceu uns dois meses atrás. Os médicos não sabiam o que era aquilo”, escreveu em sua página do Facebook.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum