Carnaval: Samba da Vila Isabel em homenagem a Martinho traz reforma agrária

Martinho da Vila será o enredo da agremiação no desfile de 2022; ouça o samba

Martinho da Vila | Reprodução/Instagram
Escrito en CULTURA el

A Unidos de Vila Isabel escolheu, na quarta-feira (30) o samba que vai entoar no carnaval de 2022 para homenagear Martinho da Vila, cantor e compositor que faz parte da história da agremiação e do carnaval carioca.

A composição de autoria de Evandro Bocão, André Diniz, Dudu Nobre, Professor Wladimir, Marcelo Valença, Leno Dias e Mauro Speranza foi a escolhida em uma das finais mais aguardadas dessa etapa de disputas de sambas-enredo.

O hino da azul e branco em 2022 faz jus ao enredo do carnavalesco Edson Pereira e relembra grandes carnavais que tiveram o samba assinado por Martinho, como "Pra Tudo se Acabar na Quarta-Feira", "Memórias do Pai Arraia" (homenagem a Miguel Arraes) e "Festa no Arraiá" (campeão em 2013).

Quando o samba cita o desfile de 2013 - sobre o campo - faz questão de incluir "reforma agrária". Quando participou da composição de Festa no Arraiá, Martinho havia feito a exigência pela inclusão do termo, o que acabou não acontecendo. Isso foi assunto até no portal do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

Sob ameaça de romper com o grupo, surgiu a ideia de usar incluir o verbo "partilhar" [a terra], o que agradou o sambista.

Desta vez, com Martinho homenageado, a reforma agrária não podia faltar na letra.

Ouça e confira a letra do hino que a Vila Isabel levará para homenagear Martinho em 2022:

FERREIRA, CHEGA AÍ
ABRE LOGO UMA GELADA, VEM CURTIR
A AVENIDA EMOCIONADA
NOSSA GENTE ENGALANADA VAI RELUZIR
OS SONHOS DE IAIÁ
TUAS GLORIAS E CIRANDAS, RESGATAR
NÃO ACABA QUARTA-FEIRA, A SAIDEIRA
NEM O MEU LAIARAIA
RAÍZES DA ROÇA PARA O PRETOS FORROS
TANTO TALENTO NÃO GUARDA SEGREDO
O DONO DO PALCO, O ZUMBI LÁ DO MORRO
PELA 28, CHINELO DE DEDO
É VOZ DA PELE QUE PEDE SOCORRO
FILHO DE TERESA, ENCARA SEM MEDO

PEDIU ESCOLAS DO PAI ARRAIA
REFORMA AGRÁRIA E FESTA NO ARRAIÁ
UM TRAGO, UM VERSO, MAIS UMA OBRA PRIMA
OUSAR, MUDAR E FAZER SEM RIMA
(SÓ ELE CONSEGUE FAZER SEM RIMA)

PROFETA, POETA, MESTRE DOS MESTRES
ÁFRICA EM PRECE, O GRIÔ, A REFERENCIA
O SENHOR DA SAPIÊNCIA, ESCRITOR DA CONSCIENCIA
E A CADÊNCIA DE ANDAR, DE VIVER E SAMBAR
TÃO BOM CANTAROLAR POR QUE O MUNDO RENASCEU
ME ABRAÇAR COM ESSE POVO TODO SEU
EU VOU JUNTO DA FAMÍLIA
DO PINDUCA À ALEGRIA PRA BRINDAR
MODESTIA A PARTE, O MARTINHO É DA VILA

PARTIDEIRO, PARTIDEIRO Ó
NOSSA VILA ISABEL, BRILHA MAIS DO QUE O SOL
CANTA NEGRO REI, DEIXA A TRISTEZA PRA LÁ
CANTA FORTE MINHA VILA, A VIDA VAI MELHORAR