#Fórumcast, o podcast da Fórum
02 de novembro de 2019, 10h26

Após conversa com Bolsonaro, diretor que chamou Fernanda Montenegro de “sórdida” pode comandar Cultura

Bolsonaro avalia nomear Roberto Alvim ao cargo de secretário Especial da Cultura do Ministério da Cidadania. O cargo equivale atualmente ao de ministro da Cultura

Roberto Alvim e Bolsonaro (Reprodução/Facebook)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) avalia nomear ao cargo de secretário Especial da Cultura do Ministério da Cidadania o atual diretor do Centro de Artes Cênicas (Ceacen) da Funarte, Roberto Alvim. O cargo equivale atualmente ao de ministro da Cultura. Alvim é o mesmo que chamou Fernanda Montenegro, de 90 anos, de “sórdida”.

A atriz  foi capa de edição histórica da revista Quatro Cinco Um, especializada em literatura, com um chamado contra a censura.

Bolsonaro e Alvim tiveram reunião no Palácio do Planalto nesta sexta-feira (1). O presidente ainda discute como acomodar o diretor da Funarte e o ministro da Cidadania, Osmar Terra (MDB), sob o mesmo teto.

A relação de ambos é vista como conturbada por pessoas do governo. A ideia de transferir a gestão da Cultura ao MEC já teria sido descartada. Procurado via assessoria, Osmar Terra não vai comentar.

Atual titular do cargo, o economista Ricardo Braga, deve assumir função no Ministério da Educação (MEC).

Com informações do Estadão


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum