O que o brasileiro pensa?
04 de junho de 2020, 06h33

Após quase 40 anos, Zé de Abreu desfaz contrato com a Globo para tentar carreira internacional

Ator mora na Nova Zelândia e relatou dificuldade em sobreviver no país com salário em real

Foto: Reprodução

O ator José de Abreu anunciou nesta quarta-feira (3), durante uma live com o ex-presidente Lula (PT), que vai deixar a TV Globo depois de quase 40 anos de contrato com a emissora. Um dos motivos para a decisão é o desejo do artista de tentar uma carreira internacional.

Zé de Abreu, 74 anos, disse que a negociação com a Globo foi “extremamente boa” e que vai continuar realizando trabalhos para a emissora, mas por demanda.

“Mas agora, Lula, eu queria aproveitar e falar pra você. Eu acabei de fechar um distrato com a Globo de uma maneira extremamente boa para os dois lados. Há dois meses, a gente começou uma negociação e fechamos há cerca de um mês. Tive uma boa conversa com [o diretor artístico Carlos Henrique] Schroder na semana passada. Vou me desligar da Globo no dia 30”, afirmou ele.

No Twitter, no entanto, o ator negou que estaria deixando a emissora. “Já tenho duas novelas para fazer como obra certa. Chupa que é de manga”, disse Zé de Abreu nesta quinta-feira (4).

O ator se mudou para a Nova Zelândia com a noiva, Carol Junger, de 22, e disse que tem melhorado seu inglês para fechar novos contratos no exterior. De acordo com ele, também tem sido difícil sobreviver no país com um salário em real. A cotação do dólar nesta quinta-feira (4) está em R$ 5.

“Agora vou tentar carreira internacional. Vou mudar de vida. Estou aqui melhorando o meu inglês. Vou continuar trabalhando na Globo, por obra certa, mas sem contrato depois de 40 e tantos anos… É uma nova maneira da Globo se relacionar com os seus artistas”, disse.

“E para mim, também estava muito difícil sobreviver com o salário em real fora do Brasil. Quando eu saí do Brasil, pela primeira vez, em 2014, o dólar estava em R$ 2,22. Quer dizer, eu precisava de R$ 2,22 para comprar US$ 1. Hoje, eu preciso de R$ 6. Ou seja, a conta não ia fechar nunca”, completou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum