Fórumcast, o podcast da Fórum
08 de outubro de 2019, 20h24

Bolsonaro aponta que não vai assinar Prêmio Camões de Chico Buarque

"Eu tenho prazo? Até 31 de dezembro de 2026, eu assino", disse o presidente

Divulgação

Em entrevista concedida nesta terça-feira (8), o presidente Jair Bolsonaro disse que tem até dezembro de 2026 para assinar o Prêmio Camões recebido pelo músico Chico Buarque, sinalizando que não pretende assinar a honraria, pelo menos neste momento. A cerimônia de premiação está marcada para abril de 2020.

“É segredo. Chico Buarque?”, disse o presidente ao jornalista Gustavo Uribe, da Folha. “Eu tenho prazo? Até 31 de dezembro de 2026, eu assino”, completou.

Apesar do diploma não estar com o autógrafo de Bolsonaro, o valor que o Brasil deve desembolsar já foi pago, em junho. Brasil e Portugal pagam, cada um, metade do prêmio total de 100 mil euros (R$ 447,3 mil).

Segundo a reportagem, a cúpula do governo está dividida sobre a assintaura. Parte crê que é uma questão apenas protocolar e evitaria problemas com o governo de Portugal, comandado pelo socialista Antonio Costa, e os mais ideológicos veem a recusa como um “gesto político”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum