Conluio da Lava Jato: Diretor da GloboNews se oferece à Netflix para dirigir nova versão de ‘O Mecanismo’

Ao contrário das duas primeiras temporadas da série dirigida por José Padilha, que distorceu fatos para demonizar os ex-presidentes Lula e Dilma, Rodrigo Cebrian quer uma continuação que mostre "como o conluio de um juiz com a promotoria agiu criminosamente para corromper uma eleição presidencial"

Ex-diretor da Globo e atual diretor e apresentador do programa “Que Mundo é Esse”, da GloboNews, Rodrigo Cebrian usou sua conta do Twitter, nesta segunda-feira (8), para sugerir à plataforma de streaming Netflix uma continuação da série “O Mecanismo”.

Lançada em 2018 e dirigida por José Padilha, a série é inspirada em um livro sobre a operação Lava Jato e o juiz Sérgio Moro e contém inúmeras falácias sobre casos de corrupção e acontecimentos políticos nacionais. O enredo tenta demonizar os ex-presidente Lula, Dilma e o PT ao associar falas, crimes e fatos que não correspondem com a verdade a eles. Em postagem no seu site à época do lançamento da produção, a ex-presidente Dilma Rousseff desmascarou cada uma das mentiras contadas pela série.

A sugestão de Cebrian é uma continuidade da série mostrando como “o conluio de um juiz com a promotoria agiu criminosamente para corromper uma eleição presidencial”. O diretor, ao fazer a postagem, se referiu diretamente às conversas reveladas pela série Vaza Jato e pela Operação Spoofing, que mostram uma articulação ilegal entre o ex-juiz Sérgio Moro e procuradores envolvidos na operação Lava Jato que teria como objetivo levar, de maneira ilegal, o ex-presidente Lula à cadeia, impedindo sua candidatura nas eleições de 2018.

Além de sugerir o tema de continuidade da série, o diretor da GloboNews ainda se ofereceu para dirigir a produção, citando os nomes do jornalista Xico Sá para o roteiro com a “assessoria jurídica” do advogado Augusto de Arruda Botelho.

Confira.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista e repórter especial da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR