Fórum Educação
18 de Maio de 2020, 20h55

Depois de lacrada contra Weintraub, co-criadora de Matrix usa mesma resposta contra filha de Donald Trump

Lilly Wachowski não gostou de ver Ivanka Trump utilizar a mesma alusão que o ministro da Educação brasileiro fez à cena da pílula, um dos momentos marcantes da saga cinematográfica que escreveu e dirigiu junto com sua irmã Lana

A "cena das pílulas", uma das mais famosas do primeiro filme da saga Matrix (foto: reprodução)

A cineasta estadunidense Lilly Wachowski não parece estar disposta a ficar calada diante de figuras de extrema-direita que descontextualizam seus filmes.

Há duas semanas, no dia 4 de maio, ela respondeu o ministro da Educação do Brasil, Abraham Weintraub, quando ele usou a famosa cena das pílulas do filme “Matrix”, para dizer que os opositores do presidente Jair Bolsonaro defendem um mundo de ilusões, enquanto o governo oferece uma suposta verdade. “Vai se f…”, respondeu Wachowski ao ministro, em inglês.

Na cena, o personagem Morpheus (Lawrence Fishburne) oferece a Neo (Keanu Reeves) duas pílulas, uma azul e outra vermelha. A azul o levaria a voltar a uma vida ilusória, enquanto a vermelha o faria conhecer a verdade por trás do mundo que ele julga ser real.

Nesta segunda, o megamilionário Elon Musk fez a mesma alusão em uma mensagem no Twitter na qual defendeu a reabertura das fábricas da sua empresa Tesla, em decisão que contraria as autoridades do estado da Califórnia, que defendem a manutenção das medidas de isolamento.

“Tomem a pílula vermelha”, convidou Musk, e Ivanka Trump, cujo pai, o presidente estadunidense Donald Trump, também defende a reabertura da economia, respondeu: “tomada!”.

Wachowski rebateu o diálogo da mesma forma curta e grossa usada contra Weintraub: “Vão se f… os dois”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum