Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de setembro de 2019, 21h34

Em Veneza, Roger Waters diz que Bolsonaro está destruindo o planeta

Waters, que criticou Bolsonaro durante as eleições, colocou o presidente brasileiro ao lado de Trump e Boris Johnson

O músico e ativista Roger Waters - Foto: Divulgação

O músico Roger Waters, ex-integrante do Pink Floyd, voltou a criticar o presidente Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (6). Waters disse que o ex-capitão está, junto a Donald Trump e Boris Johnson, destruindo o planeta.

“Ele está destruindo o planeta, como Donald Trump, Boris Johnson. [Seus apoiadores] Precisam de educação”, declarou Waters durante o Festival de Veneza.

Em turnê pelo Brasil no ano passado, em meio ao período eleitoral, o músico foi alvo de ataques de seguidores do presidente por ter colocado Bolsonaro em lista de  “neofascistas  em ascensão” durante show em São Paulo.

Após o episódio, ele seguiu criticando o então candidato e chegou a divulgar a frase “Ele Não” em show, no telão,  segundos antes do horário permitido pela justiça eleitoral se esgotar.

Waters ainda prestou homenagem a Mestre Moa  do Katendê, em Salvador, e já qualificou o presidente como“louco, vingativo e insano”.

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum