No rastro do óleo do Nordeste
01 de outubro de 2019, 15h02

Emicida pede Lula Livre no programa “Encontro com Fátima Bernardes”, da Globo; assista

O músico pediu também a liberdade para a apresentadora Preta Ferreira e para o DJ Rennan da Penha

Foto: Divulgação

Durante apresentação no Encontro com Fátima Bernardes, da TV Globo, nesta terça-feira (1) o cantor Emicida pediu liberdade para o ex-presidente Lula, para a apresentadora Preta Ferreira e para o DJ Rennan da Penha. Os nomes dos três foram citados quando Emicida cantava a música “Libre” no programa, ao lado da dupla Ibeyi.

O gesto de Emicida aconteceu um dia depois de o ex-presidente recusar a progressão de pena para o regime semiaberto solicitada pelos procuradores da Lava Jato, e afirmar que apenas deixará a prisão quando sua inocência for comprovada. “Não troco minha dignidade pela liberdade”, afirmou Lula, em carta. A defesa pediu ao STF urgência no julgamento do HC sobre a anulação da condenação por suspeição do ex-juiz federal Sérgio Moro.

No final de semana, o nome de Rennan da Penha foi bastante lembrado durante o Rock in Rio. O DJ, responsável por promover uma nova vertente do funk carioca – o 150 BPM -, está preso desde abril por suposta associação ao tráfico. A defesa alega que a condenação do músico é uma forma de criminalização da cultura popular e que ele havia sido absolvido inicialmente. Na última semana, Rennan foi indicado ao Grammy Latino.

Preta Ferreira está presa de forma arbitrária desde junho em uma caçada da Justiça de São Paulo contra lideranças de movimentos de moradia. Em carta escrita no início de setembro, a apresentadora do Boletim Lula Livre disse que não será derrotada e pregou a resistência dos militantes por moradia. “Nós estamos escrevendo a história do País, e escrevendo com amor, o que eles não têm. Nosso crime foi ter nascido mulheres negras e com sangue de justiça e igualdade, enquanto houver injustiça nesse País lá estaremos”, disse.

 

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum