Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de março de 2019, 16h05

Estreia no Canal Brasil o documentário “Hijos de La Revolución”, de Luciana Sérvulo da Cunha

O documentário aborda as recentes mudanças migratórias em direção a uma abertura política em Cuba promovidas por Raúl Castro – simbolizadas pela visita do ex-presidente norte-americano Barack Obama

Foto: Reprodução

O Canal Brasil lança nesta semana o longa metragem inédito “Hijos de La Revolución”, de Luciana Sérvulo da Cunha. O documentário, que irá ao ar na terça-feira (19), às 19, com reprise na quarta-feira (20), às 14h, aborda as recentes mudanças migratórias em direção a uma abertura política promovidas por Raúl Castro – simbolizadas pela visita do ex-presidente norte-americano Barack Obama.

Foto: Divulgação

O fio da narrativa se dá a partir de depoimentos de pais e filhos que viveram realidades distintas na ilha. O longa-metragem escolhe o viés cultural para permear discussões profundas, como a proteção da arte cubana, a dificuldade dos mais jovens em serem acolhidos pelo mercado, a possibilidade de conhecer novos países e a diferença de visão de jovens que não possuem nenhum tipo de elo com uma revolução da qual só ouviram falar.

De acordo com Luciana, o documentário “vai em busca do futuro em todos os tempos. Nele faço uma viagem de reconhecimento, um zoom in e um zoom out de Cuba através dos olhos de seus artistas, revelando o poder da arte no resgate das raízes e da expressão mais potente da alma de um povo”, disse.

A cineasta acrescenta ainda que “em tempos obscuros, importante quebrar barreiras, falar de arte e cultura, trazer algum oxigênio, ampliar horizontes”, encerra.

Sobre a ilha e seu povo, o renomado fotógrafo Júlio Larramendi acrescenta: “Não importa o que pensem e falem de nós, não importa o que façam conosco, nós temos uma forma de sobreviver que é através da nossa cultura e da arte. Enquanto mantermos nossa cultura, nós manteremos a força de um povo”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum