O que o brasileiro pensa?
13 de julho de 2020, 08h19

Kelly Preston, esposa de John Travolta, morre aos 57 anos de câncer de mama

Ator já havia perdido o filho Jett, de 16 anos, em 2009

Foto: Instagram

A atriz Kelly Preston, esposa do também ator John Travolta, morreu aos 57 anos, neste domingo (12), após uma longa batalha contra o câncer de mama. “É com o coração muito pesado que informo que minha linda esposa Kelly perdeu sua batalha de dois anos contra o câncer de mama”, escreveu Travolta, no Instagram. “Ela travou uma luta corajosa com o amor e o apoio de muitos”.

Preston atuou em vários filmes e séries de televisão, entre eles ‘Jerry Maguire: A Grande Virada’ (1996), ‘Irmãos Gêmeos’ (1988) e ‘A Última Música’ (2010). Ela conheceu Travolta em 1987 e eles se casaram em 1991 em Paris. Ela e Travolta tiveram três filhos juntos. O filho Jett morreu em 2009, aos 16 anos. Preston e Travolta estrelaram juntos em ‘A Reconquista’ (2000).

Travolta disse que sua família buscaria privacidade nos próximos meses, mas que ele “sentiria sua manifestação de amor” durante esse período. “Vou levar algum tempo para estar lá para os meus filhos, que perderam a mãe; portanto, perdoe-me com antecedência se você não nos ouvir por um tempo”, disse ele. “Mas, por favor, saiba que sentirei seu amor nas próximas semanas e meses à medida que nos curarmos”. Kelly Preston deixa seu marido e dois filhos, Ella, 20, e Benjamin, 9 anos.

Ella Travolta – a filha de 20 anos de Kelly e John Travolta – homenageou a mãe no Instagram: “Nunca conheci alguém tão corajoso, forte, bonito e amoroso como você”, escreveu Ella. “Qualquer pessoa que tenha tido a sorte de conhecê-la ou já esteve na sua presença concordará que você tem um brilho e uma luz que nunca deixam de brilhar e que fazem qualquer um ao seu redor se sentir instantaneamente feliz. Obrigada por estar lá por mim, não importa o quê. Obrigada por seu amor. Obrigada por sua ajuda e obrigada por tornar este mundo um lugar melhor. Você tornou a vida tão bonita e eu sei que continuará a fazer isso sempre. Eu te amo muito, mamãe”.

Com informações do Monet


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum