sábado, 19 set 2020
Publicidade

“O mito do herói, do salvador. Não tem. A salvação é a labuta”, diz Gilberto Gil

O cantor e compositor Gilberto Gil, que foi ministro da Cultura nos governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, não é dado a polemizar sobre política – e nem sobre assunto algum – nas redes sociais. Com uma postura zen, sempre relaxado, Gil prefere sempre a ponderação e a reflexão.

E foi por aí que ele se saiu em postagem desta segunda-feira (3), em sua página do Twitter.

Ao fazer referência, sem citar nomes, ao presidente Jair Bolsonaro (PSL), chamado por seus eleitores dessa maneira, Gil diz que “fala-se do mito, essa palavra que está na moda”, para, logo adiante, requalificar o termo: “o mito do herói, do salvador. Não tem. A salvação é a labuta, o discernir entre o melhor e o pior o tempo todo, a requalificação do cotidiano com as coisas simples. A salvação é isso”.

“Fala-se do mito, essa palavra que está na moda. O mito do herói, do salvador. Não tem. A salvação é a labuta, o discernir entre o melhor e o pior o tempo todo, a requalificação do cotidiano com as coisas simples. A salvação é isso”.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.