Olavo de Carvalho perde recurso e terá de pagar R$ 2,8 milhões a Caetano Veloso

As batalhas judiciais entre os dois ocorrem desde o ano de 2017, quando astrólogo publicou notícias falsas relacionando o cantor a casos de pedofilia. Nas quatro decisões judiciais publicadas até o momento, Caetano venceu todas

Nesta semana, a juíza Renata Oliveira e Castro, da 50ª Vara Cível do Rio de Janeiro, negou recurso pedido pela defesa do astrólogo Olavo de Carvalho, em ação que envolve o guru bolsonarista e o cantor e compositor Caetano Veloso.

Na liminar, a defesa de Olavo tentava eliminar a multa de 2,8 milhões de reais que ele deve pagar ao artista, segundo decisão judicial.

No entanto, a juíza considerou improcedente a impugnação da sentença – que foi estabelecida em 2017, embora o valor da multa tenha sido corrigido em dezembro de 2019.

As batalhas judiciais entre Caetano Veloso e Olavo de Carvalho ocorrem desde o ano de 2017, quando astrólogo passou a usar as redes sociais para publicar notícias falsas relacionando o cantor a casos de pedofilia. Nas quatro decisões judiciais publicadas até o momento, Caetano venceu todas.

Avatar de Victor Farinelli

Victor Farinelli

Jornalista formado pela Universidade Católica de Santos, há 15 anos é correspondente na Argentina (2004 e 2005) e no Chile (desde 2006).

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR