Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
24 de julho de 2019, 09h47

Pedro Cardoso: “Deus acima de tudo é o lema do fascismo vigente no Brasil”. Vídeo

Ao discorrer sobre a mais valia, Pedro disse que “quem ficou rica com o Agostinho foi a Rede Globo”

Foto: Reprodução TV Cultura

O ator e humorista Pedro Cardoso foi parar nos trend topics do Twitter por conta de entrevista que concedeu a Marcelo Tas, no programa Provocações, que foi ao ar na noite desta terça-feira (23). Entre outras coisas, sobre o governo do presidente Jair Bolsonaro, Pedro afirmou que “Deus acima de tudo é o lema do fascismo vigente no Brasil”.

Pedro Cardoso trabalhou mais de 30 anos na Globo, 13 deles dedicados a Agostinho Carrara, um dos melhores personagens da série “A Grande Família” – atualmente em reprise na faixa da tarde.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo. 

Ele disse ter se tornado uma pessoa de “extrema esquerda” e, ao discorrer sobre a mais valia, afirmou que “quem ficou rica com o Agostinho foi a Rede Globo”.

Em outro momento curioso, foi lembrado que o humorista é primo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Pedro Cardoso confessou, no entanto, que nunca votou nele.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum