Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
03 de fevereiro de 2020, 09h52

Petra Costa sofre ataque de bolsonaristas nas redes

Sucesso do longa “Democracia em Vertigem” provoca reação das redes de extrema-direita

Foto: Montagem

A diretora Petra Costa, indicada ao Oscar de melhor documentário pelo filme “Democracia em Vertigem”, que conta a história do golpe sofrido pela então presidente Dilma Rousseff, está sofrendo ataques de bolsonaristas nas redes, puxados pelo deputado federal, Eduardo Bolsonaro (Sem Partido-SP), desde o começo da manhã desta segunda-feira (3).

Petra concedeu uma entrevista na TV PBS, dos EUA, e afirmou, entre outras coisas, que Bolsonaro incentiva a destruição da Amazônia e ameaça o público negro e LGBT.

A hashtag ‘PetraCostaLiar’ (Petra Costa Mentirosa) foi parar nas primeiras posições dos Trending Topics do Twitter, mas logo caiu.

Bastidores do Golpe

O documentário “Democracia em Vertigem”, da diretora brasileira Petra Costa, foi escolhido no início de janeiro para disputar uma estatueta na 92ª edição do Oscar de 2020. Além deste, outros quatro vão concorrer junto com o filme de Petra. A cerimônia acontecerá em 9 de fevereiro, em Los Angeles.

A trama narra os bastidores do golpe que levou a ex-presidenta Dilma Rousseff ao impeachment, a prisão de Lula e a ascensão de Sergio Moro e Jair Bolsonaro. Lançado mundialmente em 19 de junho de 2019, o documentário emocionou diversos espectadores e gerou a ira de bolsonaristas, que atacaram a Netflix, onde o filme está hospedado.

O filme de Petra Costa, que também dirigiu “Elena” (2012) e “Olmo e a Gaivota” (2014), premiados respectivamente nos festivais de Brasília e do Rio, já entrou na lista do New York Times sobre os melhores do gênero em 2019. Esta é a primeira indicação de Petra ao Oscar.

Além de “Democracia em Vertigem”, também vão disputar os documentários “American Factory” (Steven Bognar), “The Cave” (Feras Fayyad), “For Sama” (Waad) e “Honeyland” (Ljubo Stefanov).

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum