Fórumcast #20
20 de março de 2019, 16h20

Priscila Bomfim estreia na regência da OSB com obras de compositoras do século XVIII e XIX

O programa do concerto no Theatro Municipal do Rio de Janeiro será em homenagem às mulheres

Maestrina Priscila Bomfim. Foto Gabriel Camões

A Orquestra Sinfônica Brasileira irá homenagear as mulheres no concerto de abertura da Série em Foco, na próxima terça-feira (26), no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Cinco grandes compositoras do século XVIII e XIX terão suas obras no programa e a regência ficará a cargo da maestrina Priscila Bomfim, que fará sua estreia à frente do grupo.

O programa do concerto trará um recorte com obras de compositoras do século XVIII e XIX. Pouco executadas por orquestras ao redor do mundo, três peças do programa serão tocadas pela primeira vez no Brasil – a Sinfonia nº 3, de Louise Farrenc; a abertura da ópera The Boatswain’s Mate, de Ethel Smyth; e a Sinfonia em dó maior, de Marianna Martines.  “A excelente qualidade artística do trabalho dessas compositoras nos faz questionar por que suas músicas não são mais executadas tanto no Brasil quanto no exterior” – pontua Pablo Castellar, Diretor Artístico da OSB.

No comando da orquestra estará, pela primeira vez, Priscila Bomfim. Dona de uma destacada carreira como pianista, Priscila vem se consolidando como maestrina nos últimos anos. Para ela, estar à frente da OSB significa um momento de grande honra e responsabilidade em sua trajetória. “A Orquestra Sinfônica Brasileira sempre foi, para mim, uma referência musical e cultural, não só para a cidade do Rio de Janeiro, como para o país” – afirma.

Veja também:  Vaza Jato: Procuradores buscavam dados fiscais de suspeitos ao arrepio da lei

A maestrina acredita que este concerto tem uma importância ímpar no cenário musical, por apresentar ao público obras pouco conhecidas e executadas, todas compostas por mulheres: “Tenho certeza de que minha participação neste concerto, bem como a escolha do repertório, representa o desejo de reconhecer e colocar em evidência a relevante contribuição da mulher nas artes, na música e nos diversos setores da sociedade”.

PROGRAMA:

Chiquinha Gonzaga – Saudade

Chiquinha Gonzaga – Carlos Gomes

(Arranjos de Paulo Aragão)

Marianna Martines – Sinfonia em Dó Maior

  1. Allegro con spirito
  2. Andante ma non troppo

III.        Allegro spiritoso

Ethel Smyth – Abertura The Boatswain’s Mate

Fanny Mendelssohn Hensel – Abertura em Dó Maior

Louise Farrenc – Sinfonia No.3, op.36, Sol Menor

  1. Adagio – Allegro
  2. Adagio cantabile

III.        Scherzo: Vivace

  1. Finale: Allegro

 

SERVIÇO:

OSB – Série em Foco – “Mulheres na Música – Grandes Compositoras do século XVIII e XIX” 

Priscila Bomfim, Regente

Dia 26 de março de 2018 (terça-feira), às 20h

Local: Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Endereço: Praça Floriano, s/nº – Cinelândia/Centro – Rio de Janeiro

Ingressos:

Frisa/Camarote: R$100,00 (R$50 meia)

Plateia: R$100,00 (R$50 meia)

Balcão Nobre: R$100,00 (R$50 meia)

Balcão Superior: R$50,00 (R$25 meia)

Balcão Superior Lateral:  R$40,00 (R$20 meia)

Galeria Central: R$30,00 (R$15 meia)

Galeria Lateral: R$20,00 (R$10 meia)

(à venda na bilheteria do Municipal e no site Ingresso Rápido)

 

Veja também:  Amoêdo flagra apoio da prefeitura a ato de filiação do PSL na praia de Copacabana

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum