O que o brasileiro pensa?
06 de fevereiro de 2020, 11h47

Vídeo: Porta dos Fundos ironiza “imbessis” do governo e nomeia novo ministro no lugar de Weintraub

"O Jonas, você não pode demitir o Jonas. Ele é a pessoa mais burra que eu conheço, tadinho", diz o personagem de Duvivier. "Não vou demitir o Jonas, não. Vou nomear. É o novo ministro da Educação", diz o chefe, vivido por Antonio Tabet

Esquete do Porta dos Fundos nomeia novo ministro da Educação (Reprodução)

Em novo vídeo divulgado nesta quinta-feira (6), o Porta dos Fundos ironizou o método de seleção de funcionários do governo e escalou um novo “ministro da Educação” em uma sátira direta às escolhas de Jair Bolsonaro de seus assessores.

Na esquete, Gregório Duvivier vive um funcionário do governo que será dispensando pelo chefe (Antonio Tabet) por ter “muito vocabulário” e não se enquadrar na nova orientação do governo, que exige que o funcionário seja “oligofrênico”.

“Oh, Gerson, eu posso ser ignorante, mas mentiroso eu conheço de longe, pois sou pastor da Universal de Caxias e tiro demônio do corpo dos outros há seis anos. Você sabe o que é oligofrênico?”, indaga Tabet, que ouve como resposta: “Burro”.

“O ministro foi bem claro na orientação dele aqui. Ele falou que para trabalhar no governo agora tem que ser ‘imbessil’ notório. Ele ainda escreveu ‘imbessil’ com dois ‘esses’ pra não ter dúvida. Aí descobre que você não é, vai sobrar pra mim”, diz o chefe.

Ao final, o chefe indica “Jonas” para o Ministério da Educação. “O Jonas, você não pode demitir o Jonas. Ele é a pessoa mais burra que eu conheço, tadinho”, diz o personagem de Duvivier. “Não vou demitir o Jonas, não. Vou nomear. É o novo ministro da Educação”.

Assista


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum