Fórumcast #20
28 de janeiro de 2016, 15h12

Barbie lança bonecas com novos formatos de corpo e mais tons de pele

A linha ‘Fashionistas’ da Mattel será voltada para dar às meninas a ‘boneca que fale diretamente com elas’

por Redação

Nesta quinta-feira (28), a Mattel anunciou uma grande mudança no padrão da boneca Barbie, um dos principais produtos da empresa: a coleção “Fashionistas” terá novas versões de corpo, diferentes formatos de rosto, de cabelo e tons de pele. No site da boneca, a Mattel afirma: “Sentimos orgulho de oferecer às meninas mais opções do que nunca”.

A nova linha oferece quatro formas corporais: Petite (baixa), Tall (alta), Curvy (com mais curvas), além da original “padrão Barbie” – magra e alta. Junto com os corpos menos padronizados, as bonecas terão 24 estilos de cabelo – entre eles, há madeixas crespas, cacheadas, coloridas e curtas -, 14 novos formatos de rosto – com traços negros, por exemplo – , 22 cores de olhos e sete tons de pele que incluem bonecas negras e asiáticas.

A nova coleção chegou a ser capa da revista Time, com o título “Now can we stop talking about my body?” (“Agora podemos parar de falar sobre o meu corpo?”, em tradução livre). A reportagem afirma que a Mattel fatura, por ano, cerca de US$ 1 bilhao com as vendas da Barbie em cerca de 150 países, mas, desde 2012, as vendas caíram 20%.

A capa da revista Times: "Agora podemos parar de falar sobre o meu corpo?"

A capa da revista Times: “Agora podemos parar de falar sobre o meu corpo?”

Segundo a Times, a boneca é uma grande influência na vida das meninas americanas: 92% das crianças do sexo feminino entre 3 e 12 anos teriam, pelo menos, uma boneca. Há mais de 55 anos, a Mattel mantinha o mesmo padrão corporal do brinquedo. Existem algumas coleções com “amigas da Barbie” um pouco mais “diversificadas”, como a negra “Christie” –  mas quase todas têm os cabelos alisados, as feições iguais às da Barbie  e apresentam as mesmas formas corporais de sempre – ou seja, um padrão magro e alto.

Veja também:  Padre nega emprego a faxineira e põe culpa em cachorro: "Não gosta de negros"

Evelyn Mazzocco, vice-presidente sênior de marcas internacionais da Mattel,  afirma:  “A variedade nos tipos de corpo, tons de pele e estilos permitirá que as meninas encontrem uma boneca que fale diretamente com elas. Nós temos uma responsabilidade com as meninas e com os pais de refletir um amplo olhar sobre a beleza”.

No Brasil, as bonecas estarão disponíveis em 2016 a partir de março, mas já podem ser compradas pelo site da Mattel norte-americana, e custam entre US$10 e US$20, mais despesas de envio.

 

Leia também:

Em nova adaptação, ‘Bela Adormecida’ é acordada e beijada por ‘Branca de Neve’


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum