Ludmilla desativa contas nas redes sociais por ataques racistas: “Vocês não têm noção do que eu passo”

A equipe da cantora divulgou uma nota sobre a situação. Veja aqui

A cantora Ludmilla desativou todas as suas redes sociais, nesta sexta-feira (18), por conta de ataques racistas. Através de nota de sua equipe, Ludmilla também afirmou que vai tomar todas as medidas judiciais cabíveis.

Ludmilla respondeu a um tuíte de um fã que reagiu a um desses ataques: “É daí para pior. Vocês não têm noção do que eu passo com essas pessoas. É 24 horas por dia de comentários racistas em todas as minhas postagens, mas eu estou tirando print de tudo porque isso é crime e vai pagar um por um”, escreveu ela.

“Se eu deixasse minha @ com um de vocês só por um dia, duvido que vocês aguentariam seguir de cabeça em erguida com tantos comentários racistas que recebo, todo dia… das mesmas pessoas, criminosos escorados no virtual, vivem pra ofender o outro”, disparou ela, antes de excluir as redes.

Comunicado da equipe da cantora

A equipe de Ludmilla chegou a emitir um comunicado sobre a situação, ressaltando a decisão dela de se manter afastada das redes sociais.

“Confirmamos que na noite da sexta (18/12), a cantora Ludmilla desativou todas as suas redes sociais. Durante o dia, a cantora já havia reclamado com sua equipe sobre os ataques racistas que vinha sofrendo chegando até a responder alguns tweets que diziam que ela responderia caso ‘jogassem casca de banana’ entre outros insultos racistas e misóginos. Tais ataques vêm ocorrendo ao longo da carreira de Ludmilla que, como é sabido, vem se posicionando não só contra crimes de raça, mas também de gênero. Ressaltamos que, ao contrário de qualquer especulação, tal ato não faz parte de nenhuma estratégia de marketing e é simplesmente uma consequência de seu cansaço diante do ódio destilado nas redes sociais. Informamos ainda que todas as postagens de cunho racista e homofóbicas estão sendo documentadas para encaminhamento à justiça. Por ora, aguardamos o desejo de Ludmilla de voltar às suas redes sociais. Sendo assim, não temos mais nada a declarar”

Com informações do Entretê

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR