O que o brasileiro pensa?
25 de julho de 2019, 21h07

“Vai andando, querida, para emagrecer”, diz motorista de aplicativo após recusar corrida de cliente

Após o condutor chegar ao local para atender a corrida, observou a cliente e não quis levá-la

Foto: Reprodução/Bahia Informa

Uma mulher foi vítima de gordofobia por parte de um motorista de aplicativo em Salvador, Bahia. Após ele chegar ao local para atender a corrida, observou a cliente e se recusou a levá-la.

Uma imagem publicada pelo site Bahia Informa mostra a conversa entre o motorista e a passageira: “Vai andando, querida, para emagrecer”, disse o condutor. A mulher disse que faria queixa.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

A empresa 99 divulgou que recebeu, por intermédio das redes sociais, a reclamação de Joyce dos Santos. Disse que “lamenta profundamente a situação, e reitera que repudia qualquer tipo de discriminação e tem uma política de tolerância zero em relação a isso”.

Afirmou, ainda, que “a 99 orienta e sensibiliza seus motoristas parceiros a atenderem passageiros com gentileza e respeito. Em seus termos de uso, a empresa ressalta que motoristas parceiros não podem discriminar ou selecionar passageiros por quaisquer motivos, além de tratá-los com boa fé, profissionalismo e respeito”. O motorista foi bloqueado pela empresa.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum