Segunda Tela

01 de março de 2018, 17h29

Duvivier responde a quem diz que ele financia o tráfico: “Não preciso pagar por maconha”

O ator postou uma foto ousada em suas redes sociais em que aparece entre folhas de maconha e, na legenda, disparou: "Quem financia o tráfico é quem tem retorno financeiro com ele"

O ator postou uma foto ousada em suas redes sociais em que aparece entre folhas de maconha e, na legenda, disparou: “Quem financia o tráfico é quem tem retorno financeiro com ele”

Por Redação

O ator e humorista Gregório Duvivier, defensor ferrenho da legalização da maconha e de uma revisão da política de drogas vigente no Brasil, resolveu nesta quinta-feira (1) responder aos internautas que o acusam de “financiar o tráfico” por já ter assumido, em diversas ocasiões, que é usuário de maconha.

Com uma foto ousada em que aparece entre folhas da erva, Duvivier escreveu que já há algum tempo que não precisa pagar por maconha, sugerindo que tem acesso a um cultivo caseiro da planta.

“Quem financia o tráfico é quem tem retorno financeiro com ele (inclusive aqueles que estão no poder)”, disparou.

Confira.

Veja também:  Felipe Neto explica por que apoia o fim do número de curtidas no Instagram

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum