Imprensa livre e independente
11 de março de 2016, 08h22

Ele de novo: manifestante protesta ao vivo e chama Globo de ‘golpista’

De acordo com o acadêmico em Marketing Luiz Henrique, a ação é uma maneira de criticar a seletividade na cobertura da imprensa em relação aos últimos acontecimentos políticos do país.

De acordo com o acadêmico em Marketing Luiz Henrique, a ação é uma maneira de criticar a seletividade na cobertura da imprensa em relação aos últimos acontecimentos políticos do país Por Redação Um protesto ao vivo no Jornal da Globo da última quinta-feira (10) chamou a atenção dos telespectadores. A repórter Giovana Teles falava sobre a Operação Lava-Jato, em frente ao Congresso Nacional, quando um homem se posicionou ao lado dela segurando um cartaz com os dizeres: “#Globo Golpista quer incendiar o país”. Parece que os jornalistas vão ter que se acostumar com as manifestações cada vez mais frequentes contra a emissora. Este...

De acordo com o acadêmico em Marketing Luiz Henrique, a ação é uma maneira de criticar a seletividade na cobertura da imprensa em relação aos últimos acontecimentos políticos do país

Por Redação

Um protesto ao vivo no Jornal da Globo da última quinta-feira (10) chamou a atenção dos telespectadores. A repórter Giovana Teles falava sobre a Operação Lava-Jato, em frente ao Congresso Nacional, quando um homem se posicionou ao lado dela segurando um cartaz com os dizeres: “#Globo Golpista quer incendiar o país”.

Parece que os jornalistas vão ter que se acostumar com as manifestações cada vez mais frequentes contra a emissora. Este mesmo homem – o acadêmico em Marketing Luiz Henrique – já participou de outros atos contra a Globo, por exemplo. Em um dos boletins ao vivo do canal a cabo GloboNews, há cerca de uma semana, ele apareceu com uma placa em que escreveu: “Mansão Marinho em Paraty”.

A imagem virou meme e milhares de internautas compartilharam o protesto bem humorado. Em entrevista à Fórum, Luiz Henrique explicou que a ação é uma maneira de criticar a seletividade da imprensa em relação aos últimos acontecimentos políticos. “Eles que defenderam a ditadura militar, não devem concordar com o estado democrático e de direito, muito menos com a ascensão do nosso país graças a política econômica e social implantada pelos governos do PT, que tirou o país do mapa da fome, e deu oportunidade para os que mais precisam”, afirmou.

o barbudinho ataca novamente :P

Publicado por Socialista Morena em Quinta, 10 de março de 2016

Veja também:  Bolsominions tentam impedir fala de Glenn Greenwald em evento paralelo à Flip

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum