Imprensa livre e independente
13 de junho de 2019, 14h09

Em nota, Glenn diz que Globo prefere “abafar, aos invés de revelar, os desvios da Lava Jato e Moro”

Jornalista diz que uma nota divulgada nesta quarta-feira (12) pela Globo - "com acusações e falsidades sobre mim" - tinha um objetivo claro: "distrair a atenção da substância das reportagens"

O jornalista Glenn Greenwald (Arquivo)
O jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept, divulgou nota nesta quinta-feira (13) em seu Twitter em que diz que a Globo prefere abafar, ao invés de revelar, os desvios da Lava Jato e do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro. “Até hoje, a Globo – em contraste com muitos outros grandes jornais e revistas no Brasil e internacionalmente – continua desinteressada em obter acesso ao arquivo, e as razões me parecem claras: eles preferem abafar, ao invés de revelar, os desvios da Lava-Jato e Moro”, relatou, em uma extensa declaração publicada em seu Twitter. Glenn diz que uma...

O jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept, divulgou nota nesta quinta-feira (13) em seu Twitter em que diz que a Globo prefere abafar, ao invés de revelar, os desvios da Lava Jato e do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro.

“Até hoje, a Globo – em contraste com muitos outros grandes jornais e revistas no Brasil e internacionalmente – continua desinteressada em obter acesso ao arquivo, e as razões me parecem claras: eles preferem abafar, ao invés de revelar, os desvios da Lava-Jato e Moro”, relatou, em uma extensa declaração publicada em seu Twitter.

Glenn diz que uma nota divulgada nesta quarta-feira (12) pela Globo – “com acusações e falsidades sobre mim” – tinha um objetivo claro e é o mesmo que aparece em toda a cobertura da rede de comunicação sobre o assunto: “distrair a atenção da substância das reportagens que expõe sérias desvios na conduta de Moro, Deltan e a Força-Tarefa da Lava Jato (SIC)”, relata.

Leia a nota na íntegra.

Veja também:  Em acordo, Vale promete indenização de R$ 700 mil a cada familiar das vítimas de Brumadinho

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum