Imprensa livre e independente
06 de outubro de 2018, 22h54

Em vídeo, Wal do Açaí, ex “funcionária fantasma” de Bolsonaro,  pede votos para o militar

Em reportagem no início do ano, a Folha de S.Paulo revelou que ela recebia salário do gabinete do deputado sem trabalhar.

Reprodução
Walderice Santos da Conceição, a Wal do Açaí, ex-secretária parlamentar de Jair Bolsonaro, gravou um vídeo divulgado neste sábado (6) para pedir apoio ao candidato do PSL. Em reportagem no início do ano, a Folha de S.Paulo revelou que ela recebia salário do gabinete do deputado sem trabalhar. Wal prestava serviços particulares na casa de praia de Bolsonaro em Angra dos Reis (RJ), segundo moradores da região, e tinha como principal atividade um comércio, chamado Wal Açaí. No vídeo, gravado na casa de veraneio do candidato, Wal se apresenta e defende o ex-patrão, dizendo que ele não é “homofóbico, racista...

Walderice Santos da Conceição, a Wal do Açaí, ex-secretária parlamentar de Jair Bolsonaro, gravou um vídeo divulgado neste sábado (6) para pedir apoio ao candidato do PSL.

Em reportagem no início do ano, a Folha de S.Paulo revelou que ela recebia salário do gabinete do deputado sem trabalhar. Wal prestava serviços particulares na casa de praia de Bolsonaro em Angra dos Reis (RJ), segundo moradores da região, e tinha como principal atividade um comércio, chamado Wal Açaí.

No vídeo, gravado na casa de veraneio do candidato, Wal se apresenta e defende o ex-patrão, dizendo que ele não é “homofóbico, racista e facista”. As informações são do portal Brasil Online. Assista.

Veja também:  Em maio, engenheiros e Defesa Civil já alertavam sobre risco de rompimento de barragem na Bahia

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum