MEDIDAS JÁ!

Caso Vini Jr: Lula determina que governo brasileiro notifique autoridades da Espanha

Ministério da Igualdade Racial, por ordem do presidente da República, instará governo espanhol após reiterados episódios de racismo contra o jogador do Real. Veja

Presidente Lula e o jogador Vini Jr.Créditos: Agência Brasil e Twitter
Escrito en ESPORTE el

O horrendo caso de racismo (repetitivo) contra o jogador Vinicius Junior, do Real Madrid, durante uma partida pela 35ª rodada do campeonato espanhol, ocorrido neste domingo (21), segue gerando repercussões e desta vez quem entrou na parada foi o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O atleta, em reação dura, cogitou até mesmo deixar aquele país europeu.

O chefe de Estado brasileiro, que está no Japão, onde ocorreu a reunião do G7, determinou ao governo que chefia que notifique as autoridades públicas da Espanha, exigindo explicações e providências. A ordem foi passada ao Ministério da Igualdade Racial, comandando pela ministra Anielle Franco.

“Repudiamos mais uma agressão racista contra o Vinicius Junior. Notificaremos autoridades espanholas e a La Liga. O governo brasileiro não tolerará racismo nem aqui nem fora do Brasil! Trabalharemos para que todo atleta brasileiro negro possa exercer o seu esporte sem passar por violências”, diz o comunicado do Ministério da Igualdade Racial.

A própria chefe da pasta foi às redes sociais para protestar contra o descaso dos organizadores da competição, a La Liga, assim como falta de medidas para coibir ações do tipo contra o cidadão brasileiro, que já foi atacado dezenas de vezes, sem que qualquer providência dura e efetiva tenha sido tomada.

“Inaceitável! O peito chega apertar de tanta indignação! Até quando teremos que lidar com isso!? Chega de racismo!!!!!!!!!”, postou Anielle.