Jogadores negros do Fortaleza entram em campo com camiseta especial contra o racismo

Tricolor cearense destacou em suas redes sociais que “o desenho foi um protesto que representa como os negros se sentem todos os dias: com um alvo nas costas”

Antes da partida desta quarta-feira (2) contra o Corinthians, que marca a abertura da 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza entrou em campo com algumas camisetas especiais.

Os atletas negros do elenco do Tricolor de Aço saíram dos vestiários do Estádio do Castelão, na capital cearense, utilizarando camisetas diferenciadas, nas quais as listras azul, vermelha e branca formavam um alvo.

Nas redes sociais, o clube também publicou uma mensagem sobre a iniciativa. “Hoje, os atletas negros do nosso elenco entraram com uma camisa que representa como os negros se sentem todos os dias: com um alvo nas costas. A cada 100 vítimas de homicídio no Brasil, 75 são negras. Nossa ação acontece para apoiar todos os atletas negros que já sofreram ataques racistas dentro e fora do campo e também para protestar por uma revisão de lei do esporte, que não pune a injúria racial como crime de racismo, quando vinda de torcedores”, diz o texto nas redes.

O Fortaleza tem 29 pontos no atual Campeonato Brasileiro, e ocupa a nona posição no torneio nacional. O duelo contra o Corinthians é uma disputa direta, já que o alvinegro tem os mesmos 29 pontos, mas está em 10º lugar, devido à sua desvantagem nos critérios de desempate.

Avatar de Victor Farinelli

Victor Farinelli

Jornalista formado pela Universidade Católica de Santos, há 15 anos é correspondente na Argentina (2004 e 2005) e no Chile (desde 2006).

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR