Imprensa livre e independente
21 de março de 2018, 12h46

Feliciano afirma que “esquerdista demora para morrer porque a bala não acha o cérebro”. Vídeo

Deputado comentou o assassinato de Marielle Franco, durante entrevista no Programa Pânico, da rádio Jovem Pan: “Líder política do quê? Qual o partido dela mesmo?”

Feliciano disse que o PSOL não é um partido por “sonhar com o caos” e pregar “o céu vermelho” na terra – Foto: Reprodução O deputado federal e pastor Marcos Feliciano (Podemos) voltou a polemizar, ao falar sobre o assassinato da socióloga e vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ). Durante entrevista ao programa Pânico, da rádio Jovem Pan, ele voltou a atacar e disse, grosseiramente, que um esquerdista demora uma semana para morrer porque a bala fica procurando o cérebro. No vídeo, o trecho em que ele começa a falar sobre Marielle começa aos 15 minutos. Feliciano declarou, ainda, segundo O Estado...

Feliciano disse que o PSOL não é um partido por “sonhar com o caos” e pregar “o céu vermelho” na terra – Foto: Reprodução

O deputado federal e pastor Marcos Feliciano (Podemos) voltou a polemizar, ao falar sobre o assassinato da socióloga e vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ). Durante entrevista ao programa Pânico, da rádio Jovem Pan, ele voltou a atacar e disse, grosseiramente, que um esquerdista demora uma semana para morrer porque a bala fica procurando o cérebro. No vídeo, o trecho em que ele começa a falar sobre Marielle começa aos 15 minutos. Feliciano declarou, ainda, segundo O Estado de Minas, que o PSOL não é um partido por “sonhar com o caos” e pregar “o céu vermelho” na terra. Disse, também, que “estão fazendo uma plataforma política em cima do caixão dela”.

Foi quando soltou a frase: “O cérebro do esquerdista é do tamanho de uma ervilha. Há pouco tempo fiquei sabendo que deram um tiro num esquerdista no Rio de Janeiro e levou uma semana pra morrer porque a bala não achava o cérebro”, disse. Feliciano duvidou de que Marielle era uma liderança política. “Líder política do quê? Qual o partido dela mesmo?”. Afirmou, ainda, que a vereadora é somente mais uma na estatística, um número.

Veja também:  Glauber Rocha x Bolsonaro: o dragão da maldade contra o Santo Guerreiro

Durante a entrevista, Feliciano voltou a atacar Caetano Veloso, reafirmando, conforme fez em 2017, por meio de um vídeo, que o artista estuprou Paula Lavigne, sua ex-esposa, porque ambos teriam começado um relacionamento quando ela tinha 13 anos. Caetano entrou com uma queixa-crime contra o pastor.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum