Imprensa livre e independente
01 de setembro de 2015, 09h40

FHC diz que pedido de renúncia de Dilma foi “mal interpretado”

Em reunião com lideranças do Psol, ex-presidente disse que o sentido da declaração era: "Ou renuncia ou governa"

Em reunião com lideranças do Psol, ex-presidente disse que o sentido da declaração era: “Ou renuncia ou governa” Por Redação* Em reunião realizada com lideranças do Psol na última segunda-feira (31), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que o texto em que aconselhava a renúncia de Dilma Rousseff foi “mal interpretado”. O pedido foi postado em sua página oficial no Facebook há duas semanas, um dia após as manifestações do dia 16 de agosto. “Se a própria presidente não for capaz do gesto de grandeza (renúncia ou a voz franca de que errou, e sabe apontar os caminhos da recuperação nacional),...

Em reunião com lideranças do Psol, ex-presidente disse que o sentido da declaração era: “Ou renuncia ou governa”

Por Redação*

Em reunião realizada com lideranças do Psol na última segunda-feira (31), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que o texto em que aconselhava a renúncia de Dilma Rousseff foi “mal interpretado”. O pedido foi postado em sua página oficial no Facebook há duas semanas, um dia após as manifestações do dia 16 de agosto.

“Se a própria presidente não for capaz do gesto de grandeza (renúncia ou a voz franca de que errou, e sabe apontar os caminhos da recuperação nacional), assistiremos à desarticulação crescente do governo”, escreveu FHC na postagem. Aos dirigentes do Psol, ele disse que o sentido da declaração era: “Ou renuncia ou governa”.

No encontro, organizado pela ex-presidenciável Luciana Genro, FHC prometeu ajudar o partido contra a aprovação, no Senado, de um projeto que reduz o espaço de partidos menores em debates e na TV já na campanha eleitoral do ano que vem. O ex-presidente alegou que sua influência no PSDB é limitada, mas que conversará com senadores tucanos para discutir o tema.

Veja também:  MEC publica nota sobre cobrança de mensalidade nas universidades públicas, apaga e se retrata

*Com informações da Folha de S. Paulo

(Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum