06 de junho de 2019, 10h23

FórumCast #02 – Fascismo à brasileira ou Hospício Brasil

Como e por que o fascismo avança no país

A segunda edição do podcast da Revista Fórum discute a disseminação do discurso fascista no Brasil desde a ascensão de Jair Bolsonaro no cenário político nacional. Mas afinal, o que é fascismo? Como podemos identificá-lo e quais são seus perigos reais?

Um dos especialistas ouvidos neste episódio foi o doutor em história e professor da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) Gilberto Calil. Ele comenta algumas características comuns ao pensamento fascista e que podem ser facilmente reconhecidas. “A gente poderia identificar um núcleo ideológico que é comum aos diferentes movimentos fascistas. Uma perspectiva anticomunista, antipolítica, anti-intelectualista, de criação de inimigos, de um ultranacionalismo, a mitificação do líder, a misoginia, a oposição aos direitos humanos, o militarismo e o armamentismo.”

Para contextualizar os passos desse movimento totalitário no país, o editor da Revista Fórum, Renato Rovai, conversou com a filósofa Márcia Tiburi sobre como as atitudes do governo Bolsonaro estão alinhadas ao pensamento fascista. “Não existe naturalidade neste discurso. Esse discurso foi implantado. Não existe um sentimento natural de ódio nos seres humanos. Natural é uma palavra que devemos usar sempre de maneira crítica”, comenta Tiburi, que é autora do livro Como conversar com um fascista (editora Record).

Veja também:  The Guardian: Nova geração de exilados políticos deixa o Brasil de Bolsonaro 'para se manter vivo'

O episódio completo do FórumCast você pode escutar abaixo ou nos principais agregadores de podcasts.

 

 

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum