Imprensa livre e independente
07 de julho de 2019, 17h37

Freixo diz que coloca celular à disposição para desmentir Pavão Misterioso

Parlamentar desafia Moro e Dallagnol a fazerem o mesmo

Citado pelo perfil fake Pavão Misterioso, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) reagiu às acusações feitas na rede social. Também utilizando o Twitter, o parlamentar disse que colocaria seu telefone celular à disposição das autoridades para provar a farsa que envolve o seu nome. “Em vez de questionar os motivos de @SF_Moro ter sido contra a delação de Eduardo Cunha, a rede bolsonarista apela novamente à farsa tosca do Pavão Misterioso. Coloco meu telefone à disposição da PF para desmontar essa fraude e desafio Moro e @deltanmd a fazerem o mesmo”, publicou o deputado. O perfil Pavão Misterioso tinha citado...

Citado pelo perfil fake Pavão Misterioso, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) reagiu às acusações feitas na rede social. Também utilizando o Twitter, o parlamentar disse que colocaria seu telefone celular à disposição das autoridades para provar a farsa que envolve o seu nome.

“Em vez de questionar os motivos de @SF_Moro ter sido contra a delação de Eduardo Cunha, a rede bolsonarista apela novamente à farsa tosca do Pavão Misterioso. Coloco meu telefone à disposição da PF para desmontar essa fraude e desafio Moro e @deltanmd a fazerem o mesmo”, publicou o deputado.

O perfil Pavão Misterioso tinha citado Freixo na seguinte mensagem: “Hora de jogar Glenn…vamos fazer o seguinte: vc vem na PF dar queixa e eu publico cada chip seu, do David, Demori, Freixo e Jean,incluindo os respectivos CPFs aqui, para cada cidadão de bem checar. Combinado? Ah, esqueci que Freixo usa o Telegram de uma famosa. Let’s play!”.

Existem várias inconsistências nas acusações do Pavão Misterioso. Por exemplo, o número publicado pelo perfil que seria do editor do site The Intercept Leandro Demori, na verdade é o número que está registrado como dono da conta que administra o perfil no Twitter.

Veja também:  Reinaldo Azevedo anuncia mais um vazamento que envolve ministro do STF e Dallagnol

Freixo disse que vai denunciar o caso à Polícia Federal e exige que seja descoberto quem é que está por trás do Pavão Misterioso. Um dos apontados é o vereador do Rio de Janeiro e filho do presidente da República, Carlos Bolsonaro.

 

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum