Imprensa livre e independente
19 de maio de 2019, 18h26

Garoto-propaganda da reforma da Previdência, Ratinho vai entrevistar Bolsonaro

Será a segunda vez que Bolsonaro irá ao SBT somente neste mês. A emissora de Silvio Santos foi privilegiada no primeiro trimestre com a publicidade do governo, recebendo mais recursos que a Globo e ficando atrás apenas da Record, do bispo Edir Macedo

O senador major Olímpio fotografa encontro de Ratinho e Bolsonaro (Reprodução)
Contratado para ser garoto-propaganda da Reforma da Previdência, ao lado de nomes como o de Luciana Gimenez, da Rede TV!, o apresentador Carlos Ratinho Massa, do SBT, entrevista Jair Bolsonaro no próximo dia 27. Será a segunda entrevista que Bolsonaro concederá à emissora somente em maio. No domingo, dia 5, o presidente foi entrevistado pelo dono do SBT, Silvio Santos. Teria sido uma grande conversa de compadres, não fosse por um detalhe. Sílvio Santos, do alto de seus 88 anos e sem papas na língua, resolveu criticar a liberação do porte de armas, uma das principais bandeiras de Bolsonaro. Em...

Contratado para ser garoto-propaganda da Reforma da Previdência, ao lado de nomes como o de Luciana Gimenez, da Rede TV!, o apresentador Carlos Ratinho Massa, do SBT, entrevista Jair Bolsonaro no próximo dia 27.

Será a segunda entrevista que Bolsonaro concederá à emissora somente em maio. No domingo, dia 5, o presidente foi entrevistado pelo dono do SBT, Silvio Santos. Teria sido uma grande conversa de compadres, não fosse por um detalhe.

Sílvio Santos, do alto de seus 88 anos e sem papas na língua, resolveu criticar a liberação do porte de armas, uma das principais bandeiras de Bolsonaro.

Em seu primeiro trimestre de governo, Bolsonaro privilegiou o SBT e a Record, de Edir Macedo, com aumento de receita publicitária dos órgãos federais.

O Grupo Record, de Edir Macedo, foi o que mais recebeu dinheiro, passando a Globo, que perdeu também para o SBT, de Silvio Santos.

Em ao menos dois anos, é a primeira vez que ocorre essa inversão. No primeiro trimestre do ano passado, os veículos da família Marinho faturaram R$ 5,93 milhões, contra R$ 1,3 milhão da Record e R$ 1,1 do SBT.

Veja também:  Jornalista que divulgou documentos da Odebrecht comenta mensagens da Vaza Jato

O faturamento da emissora de Edir Macedo, em 2019, chegou a 10,3 milhões. O SBT ficou R$ 7,3 milhões e a Globo, com R$ 7,07.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum