Fórumcast, o podcast da Fórum
22 de janeiro de 2019, 10h24

Ação de Trump e Bolsonaro na Venezuela não é preocupação com o povo, mas com as reservas de petróleo, diz Gleisi

Segundo a presidenta do PT, Trump quer fazer do Brasil "bucha de canhão" para uma guerra na Venezuela. "Quando George Bush quis envolver o Brasil na guerra do Iraque, o presidente Lula disse para ele: nossa guerra é contra a fome".

Reprodução/Youtube

Em vídeo publicado em seu canal no Youtube nesta segunda-feira (21), a presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, afirmou que a ação coordenada de Donald Trump e Jair Bolsonaro (PSL) na Venezuela não tem nenhuma preocupação com o povo ou a democracia do país, comandado por Nicolás Maduro.

“A Venezuela possui as maiores reservas de petróleo do mundo. Pode assumir esse ano, a presidência da Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo). E desde o governo Hugo Chavez, o país adota uma postura que entra em choque com os interesses dos Estados Unidos, porque eles defendem o seu petróleo”, diz Gleisi.

Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Gleisi cita ainda a invasão do Iraque como exemplo de intervenção com o discurso de “reestabelecer os direitos do povo e instalar a democracia”.

“Mais de 250 mil pessoas morreram e cidades foram totalmente destruídas. O rastro que ficou foi de fome, miséria e destruição”, diz ela.

Segundo a presidenta do PT, Trump agora se alia a Bolsonaro para fazer uma guerra na Venezuela. “Quando George Bush quis envolver o Brasil na guerra do Iraque, o presidente Lula disse para ele: nossa guerra é contra a fome”.

Para Gleisi, o Brasil deveria buscar o diálogo com a Venezuela e “não colocar mais lenha na fogueira”. “Com essa postura intransigente e submissa aos Estados Unidos, Bolsonaro só tende a agravar a crise. E uma intervenção por lá prejudicaria todos nós”, diz, ressaltando que o Brasil fará papel de “bucha de canhão dos EUA”.

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum