Após invasão ao Capitólio, Twitter suspende mais de 70 mil contas ligadas ao QAnon

“Começamos a suspender permanentemente milhares de contas que eram principalmente dedicadas ao compartilhamento de conteúdo QAnon”, divulgou o Twitter

Depois da invasão do Capitólio, nos Estados Unidos, por parte de apoiadores de Donald Trump e estimulados pelo presidente, o Twitter anunciou a suspensão de mais de 70 mil contas vinculadas ao grupo de extrema direita e teoria da conspiração QAnon.

“Devido aos eventos violentos em Washington D.C. e ao aumento do risco de danos, começamos a suspender permanentemente milhares de contas que eram principalmente dedicadas ao compartilhamento de conteúdo QAnon”, divulgou o Twitter, de acordo com O Estado de S. Paulo.

“Desde sexta-feira, mais de 70 mil contas foram suspensas como resultado de nossos esforços, com muitos casos de um único indivíduo operando várias contas”, acrescentou o comunicado.

Teorias infundadas

O QAnon é um grupo que se dedica a teorias da conspiração totalmente infundadas. Uma das principais indica que Donald Trump está travando uma guerra secreta contra os pedófilos adoradores de Satanás do alto escalão do governo, do mundo empresarial e da imprensa.

Seus apoiadores acreditam que esta luta levará a um dia de ajuste de contas, em que pessoas reconhecidas internacionalmente, como a ex-candidata à presidência dos EUA, Hillary Clinton, por exemplo, serão presas e executadas.

Avatar de Lucas Vasques

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR