Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
04 de junho de 2019, 15h49

Bolsonaro oficializa nova embaixadora venezuelana nomeada por Juan Guaidó

María Teresa Belandria Expósito é professora da Universidade Central da Venezuela, especialista em direito econômico internacional, e coordenadora do partido Vente Venezuela, da líder oposicionista María Corina Machado

Bolsonaro cumprimenta novo embaixadora da Venezuela, María Teresa Belandria Expósito, nomeada por Juan Guaidó (Foto: Carolina Antunes/Presidência da República)

O presidente Jair Bolsonaro oficializou nesta terça-feira (4) a nova embaixadora da Venezuela no Brasil, a advogada María Teresa Belandria Expósito. Belandria foi nomeada não pelo presidente eleito da Venezuela, Nicolás Maduro, mas pelo autoproclamado presidente interino Juan Guaidó, cujo governo é reconhecido por 50 países, incluindo Brasil e Estados Unidos. Maduro, no entanto, ainda desempenha todas as funções de presidente do país.

Belandria é professora da Universidade Central da Venezuela, especialista em direito econômico internacional, e coordenadora do partido Vente Venezuela, da líder oposicionista María Corina Machado. Além dela, Bolsonaro recebeu a carta credencial de outros 7 embaixadores. A entrega das cartas é um ato protocolar junto ao Itamaraty e marca o início oficial das atividades dos embaixadores no país.

Em maio de 2016, o presidente Nicolás Maduro chamou de volta a Caracas o embaixador venezuelano no Brasil, Alberto Castelar, em protesto contra o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Em dezembro de 2017, já no governo de Michel Temer, o encarregado de negócios da Venezuela no Brasil, Gerardo Antonio Delgado Maldonado, foi declarado “persona non grata” pelo Ministério das Relações Exteriores.

A declaração de “persona non grata” foi feita em resposta à expulsão do embaixador do Brasil na Venezuela, Ruy Carlos Pereira.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum