sábado, 24 out 2020
Publicidade

Colorado, nos EUA, anuncia indulto a pessoas condenadas por levar até 30g de maconha

Ao anunciar a medida, o governador Jared Polis criticou a "política fracassada de proibição da maconha"

Jared Polis, governador do Colorado, nos Estados Unidos, anunciou nesta quinta-feira (1º) um perdão coletivo a cerca de 2,7 mil pessoas que foram condenadas judicialmente no estado. Segundo ele, essa medida irá diminuir as desigualdades no sistema penal.

“Estamos finalmente eliminando algumas das injustiças do passado perdoando 2.732 condenações de coloradanos que tinham apenas 30 gramas de maconha ou menos”, afirmou Polis ao divulgar a ordem executiva assinada por ele.

“Muitos coloradanos foram acompanhados por toda a vida por uma condenação de algo que não é mais um crime, e isso impactou sua situação profissional, moradia e inúmeras outras áreas de suas vidas. Hoje estamos dando este passo para criar um sistema mais justo e quebrar barreiras para ajudar a transformar a vida das pessoas, bem como chegar a um acordo com um aspecto do passado, a política fracassada de proibição da maconha”, completou o governador democrata.

Em 2014, o Colorado se tornou o primeiro estado dos EUA a permitir a venda recretaiva de maconha e se tornou o primeiro local do mundo a aplicar regulamentações desde o plantio até a venda.

“É ridículo como ser acusado de fumar um baseado na década de 1970 acompanhou alguns coloradanos ao longo de suas vidas e atrapalhou seu sucesso”, disse ainda Polis.

A decisão vem após a aprovação de uma lei estadual que permite ao governador conceder indultos a pessoas condenadas por levar até 60g de maconha.

Com informações da CNN e do Governo do Colorado

Lucas Rocha
Lucas Rocha
Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.