Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
16 de fevereiro de 2020, 09h19

Coronavírus pode afetar 70% da população mundial se surto não for controlado

Neste sábado, a França registrou o primeiro caso de morte pela doença fora da Ásia

Foto: Reprodução

O surto de coronavírus que se espalha pelo mundo após deixar cidades inteiras isoladas na China pode provocar uma pandemia, afetando até 70% da população, segundo especialistas.

“Se ocorrer uma pandemia, é provável que entre 40% e 70% das pessoas no mundo estejam infectadas no próximo ano” disse o professor da Escola de Saúde Pública TH Chan de Harvard, Marc Lipsitch, ao jornal Wall Street Journal.

O número de mortes no mundo já alcançou 1.669, e há mais de 68.500 casos registrados, de acordo com o New York Times. Apenas na província chinesa de Hubei, onde se iniciou o surto, foram 139 mortes, das quais 100 ocorreram na cidade de Wuhan.

Neste sábado (15), o diretor geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, afirmou que a epidemia ainda é uma preocupação na China e não se pode dizer para onde a doença vai se espalhar, mas que se sente encorajado pelas ações da China para desacelerar a disseminação.

Ainda no sábado, a França registrou o primeiro caso de morte pela doença fora da Ásia, e a infecção de uma passageira do cruzeiro que estava em quarentena e foi atracado no Camboja foi confirmada, após a sua chegada na Malásia.

Apesar do aumento contínuo dos casos e mortes, o ritmo de crescimento das infecções registradas desacelerou nos últimos três dias, e a taxa de mortalidade se mantém estável.

No entanto, é difícil dizer sobre o futuro da epidemia. “Infelizmente, acho que é provável que [o vírus] esteja ganhando força”, diz Lipsitch. Ele comenta que há países que já deveriam ter registrado casos da doença mas não o comunicaram, como Indonésia e Camboja, e é possível que as infecções apenas não tenham sido detectadas.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags