Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
15 de junho de 2018, 15h11

Deputado neonazista grego é expulso ao pedir que as Forças Armadas derrubem o governo

A comissão de ética do Parlamento decidiu expulsar todos os deputados do partido Amanhecer Dourado e exclui-los do resto do debate

O deputado Konstantinos Barbarusis, do partido neonazista grego Amanhecer Dourado pediu nesta sexta-feira (15) às Forças Armadas que derrubem o governo do Primeiro-Ministro de esquerda Alexis Tsipras, em discurso pronunciado desde o púlpito do Parlamento. O fato motivou sua expulsão da formação.

Barbarusis pediu que o Exército “respeite seu juramento” de defender a pátria e detenha Tsipras, seu parceiro de coalizão Panvos Kammenos (mais tarde ministro de Defesa) e o presidente da República, Prokopis Pavlopoulos, para “evitar a traição”.

Como se não bastasse, o parlamentar ainda pediu que eles tenham as cabeças cortadas e que as mesmas sejam atiradas no lago de Prespà, na fronteira entre a Grécia e a Macedônia. No local está prevista para acontecer a assinatura do acordo com Skopje para resolver o problema do nome da ex-república iugoslava da Macedônia.

A comissão de ética do Parlamento decidiu expulsar todos os deputados de Amanhecer Dourado e exclui-los do resto do debate.

Além disso, o ministro de Justiça, Stavros Kondinis, enviou à Promotoria a ata com as declarações do deputado em questão para que analise se constituiu um crime.

Em comunicado, o presidente do Amanhecer Dourado, Nikolaos Mijaloliakos, afirmou que a postura do parlamentar não só não corresponde com a linha do partido, mas fez um favor ao Governo, ao invés de abordar o problema da “traição” na questão da Macedônia.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum