Fórumcast, o podcast da Fórum
15 de julho de 2019, 11h04

Eduardo Bolsonaro faz campanha para Macri nas eleições da Argentina: “Adversário visitou Lula”

Eduardo republicou em seu Twitter vídeo de campanha de Mauricio Macri dizendo que quer continuar sendo presidente para "tirar o país de onde estava". Submisso ao FMI, Macri fez o desemprego disparar na Argentina e ultrapassar os 10% depois de 13 anos abaixo dos dois dígitos

Macri e Eduardo Bolsonaro (Reprodução)

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), futuro embaixador do Brasil nos EUA, republicou em seu Twitter um vídeo de campanha do presidente argentino Maurício Macri destacando que Alberto Fernández, principal adversário do oficialista, visitou Lula em Curitiba.

“Basta lembrar que o maior adversário de Macri visitou Lula na cadeia e é crítico ao histórico Acordo Mercosul-UE. Em breve argentinos decidirão de instalarão uma nova crise migratória no sul do Brasil ou não”, tuitou o filho 03 do presidente.

Na mensagem gravada, Macri destaca que quer continuar sendo presidente para “tirar o país de onde estava”. “Nunca estivemos tão perto como agora de ser esse país que tanto queremos”, afirmou. Apesar do discurso otimista, a Argentina da Era Macri viu o desemprego disparar e ultrapassar os 10% depois de 13 anos abaixo dos dois dígitos.

Veja também:  Enquanto a Amazônia arde em chamas, Eduardo Bolsonaro corteja Trump e fala da Venezuela

Visita a Lula

Alberto Fernández, candidato à presidência na chapa de Cristina Kirchner, foi à Curitiba no dia 4 de julho e  afirmou que a prisão de Lula é uma “mácula ao Estado de Direito”. Fernández aparece à frente nas pesquisas, mas o cenário ainda é bastante aberto.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum