No rastro do óleo do Nordeste
16 de março de 2019, 18h53

#EggBoy: Jovem quebra ovo na cabeça de senador australiano que culpou muçulmanos por atentado

Como forma de protesto, jovem quebrou um ovo na cabeça do senador Fraser Anning, que antes havia culpado os muçulmanos pelos atendados na Nova Zelândia; australiano revidou com um soco no rosto do adolescente, que tem 17 anos

Reprodução/Twitter

Após proferir uma declaração xenófoba sobre os atentados na Nova Zelândia, nesta sexta-feira (15), que mataram 49 pessoas, o senador australiano Fraser Anning foi alvo de uma “ovada”. Na tarde deste sábado (16), um jovem quebrou um ovo na cabeça do senador enquanto ele dava uma coletiva de imprensa.

O ato foi captado por câmeras de repórteres que acompanhavam a entrevista. Assim que percebeu que foi atacado, Anning revidou com um soco no rosto do adolescente de 17 anos, identificado como Will Connolly.

Seguranças apartaram os dois mas apoiadores do senador continuaram agredindo o jovem até a chegada da polícia. Ele foi detido e liberado em seguida.

Apoiadores do senador australiano agridem o jovem que ficou conhecido como “Egg Boy” (Reprodução/Twitter)

Em comunicado oficial, a polícia de Melbourne informou que o caso está sendo investigado.

O protesto do adolescente foi motivado por uma declaração do senador australiano dada na sexta-feira (15). Em um texto divulgado nas redes sociais, Anning culpou os muçulmanos pelo massacre nas duas mesquitas de Christchurch.

“A verdadeira causa do derramamento de sangue nas ruas da Nova Zelândia hoje é o programa de imigração que permitiu que os fanáticos muçulmanos migrassem para a Nova Zelândia”, escreveu.

O vídeo que mostra o protesto e o revide do senador viralizou nas redes com a tag #EggBoy. A maioria dos internautas tem declarado apoio ao jovem.

Assista.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum