Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
03 de julho de 2019, 16h07

Evo Morales: “Trump é inimigo número um da vida e da humanidade”

As críticas do mandatário boliviano ao presidente dos Estados Unidos surgiram em uma entrevista a uma agência de notícias russa, dias antes de sua viagem a Moscou, onde terá um encontro no Kremlin com Vladimir Putin

Evo Morales e Donald Trump (Arquivo)

O presidente da Bolívia, Evo Morales, deu declarações polêmicas nesta quarta-feira (3), em uma entrevista para a agência de notícias russa RIA Novosti.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Perguntado sobre se nutre “sentimentos anti-estadunidenses”, o mandatário boliviano disse que “não contra o povo norte-americano, mas sim contra seu presidente e suas políticas. (Ele) Pensa que (os Estados Unidos) são os donos do mundo, e se equivoca”. Além disso, Morales também afirmou que as medidas impulsadas pelo governo de Trump o transformam em “inimigo número um da vida e da humanidade”.

Em seguida, foi perguntado se recomendaria algo ao presidente estadunidense, e respondeu na mesma linha: “Se tivesse a oportunidade… diria que seja mais humano, que aprenda a respeitar os povos do mundo, e qualquer relação bilateral de respeito mútuo e de benefício conjunto para os nossos países”.

A entrevista da agência russa com Evo Morales não é por acaso. Dentro de poucos dias, o mandatário boliviano inicia uma viagem internacional que terá no Kremlin um dos seus pontos principais. A reunião com Putin estará pautada pela cooperação tecnológica e militar entre a Bolívia e a Rússia, a crise na Venezuela e outros assuntos.

A viagem do presidente boliviano deve se iniciar no dia 10 de julho, e também passará por outros dois países: Suriname e Cazaquistão.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum