Fórumcast, o podcast da Fórum
24 de agosto de 2019, 14h31

Evo Morales usa maior avião tanque do mundo para combater incêndio florestal na fronteira com o Brasil

Supertanker tem capacidade de despejar até 75 mil litros de água sobre as áreas incendiadas por voo e deve ficar pelo menos 10 dias na Bolívia

Supertanker usado pela Bolívia no combate ao incêndio florestal (Reprodução/Twitter)

O governo Evo Morales, na Bolívia, está usando o maior avião tanque do mundo para combater um incêndio florestal na zona da Chiquitanía, no sudeste do país, perto da fronteira com o Brasil e o Paraguai. As operações do avião SuperTanker começaram nesta sexta-feira (23) e foram comemoradas pelo ministro de governo, Juan Ramón Quintana, que acompanha in loco a ação.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“Esperamos fazer entre três e quatro operações áreas na zona de Taperas e caso consigamos controlar as chamas, vamos para um segundo ponto, definido a partir de reconhecimentos aéreos que estamos cruzando com dados de satélites”, disse Quintana.

O avião tem capacidade de despejar até 75 mil litros de água sobre as áreas incendiadas por voo e deve ficar por pelo menos 10 dias na Bolívia.

O presidente Evo Morales agradeceu pelo Twitter às equipes de apoio e instruiu o ministro da Defesa do país para adquirir um avião tanque pelo governo, para garantir a segurança do povo boliviano em casos de emergência.

“Conforme planejado, o #Supertanker reforçou a eficácia do trabalho heróico de nossos pilotos, uniformizados e voluntários, que combatem incansavelmente o fogo na Chiquitanía. Estamos fortalecidos e determinados a superar esse desafio. #UnidadEnLaAdversidad”, tuitou Morales.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum